terça-feira, 4 de maio de 2010

O que é a Missão Reviver?

O que é a Missão Reviver?

È um Projeto Missionário idealizado e desenvolvido pelo Pastor, Missionário e Psicoterapeuta Dr. Virgínio José de Carvalho Neto, que visa especificamente dar apoio espiritual e psicológico a todos os Missionários que servem ou já serviram na obra do Senhor Jesus em áreas de risco.
A Missão Reviver age de forma interdenominacional, alcançando todos aqueles que necessitam de apoio para o desenvolvimento e continuidade de seus trabalhos (missionário e pastoral).

Como nasceu a Missão Reviver?

Com a visão do Pastor e Missionário Virgínio José de Carvalho Neto, que saiu para o campo missionário em 1974 juntamente com sua esposa a Missionária Rosa Angélica Santos de Carvalho, enviados pela Igreja Evangélica “Assembléia de Deus” no Estado de Sergipe, onde ele é o presidente desde 1989. Nesses 29 anos de experiência, os primeiros 16 anos no exterior, pôde viver e sentir as dificuldades do campo missionário, servindo em áreas de riscos ou envolvidos em projetos de auxílios a população carente. Assim sentiu de Deus em fazer algo a mais pela missão em seu Estado, no Brasil e no mundo, mesmo sendo presidente de uma igreja missionária. Em 1º de janeiro de 2000, foi criada a Missão Reviver com projeto aprovado pela igreja e que agora é uma realidade.

Objetivo da  Missão Reviver:

A Missão Reviver tem como objetivo principal a revitalização de missionários que servem em áreas de riscos

Forma de Atuação da Missão Reviver:

Em parceria com outras igrejas e instituições, identificamos as áreas e missionários carentes de nosso trabalho. Em contato inicial com as igrejas ou agências que os enviou, avaliamos a melhor forma de ajudá-los, podendo ser de três maneiras:


 
1º. Deslocamento do Missionário até as unidades de apoio da Missão Reviver.
2º. Visita e tratamento adequado para aqueles que não podem sair do seu país ou região.
3º. Encontro do Missionário com o membro da Missão em bases avançadas ou outras entidades com as quais tenhamos convênios.



Após diagnosticar a situação, o missionário receberá o acompanhamento psicoterapêutico adequado.  

Um comentário: